O difícil caminho até uma medalha

  • Rating 12345

Kalay MarquesHá mais de 10 anos o atleta brasileiro Kalay Marques corre atrás de um sonho, conquistar uma medalha no Campeonato Mundial de Swoop. A modalidade que envolve pousos de velocidade com velames de alta performance é uma das mais disputadas no mundo, e o desafio dele é superar americanos e europeus que dominam a categoria há anos.

Kalay é seis vezes campeão Brasileiro na modalidade, e no ano passado conseguiu a 9º colocação no Mundial realizado na Rússia, pela primeira vez está entre os 10 melhores do mundo, e o caminho para uma medalha está cada vez mais curto, “hoje me sinto mais próximo de alcançar o meu sonho, com treinamento e equipamento adequados posso conquistar meu objetivo” afirmou.

Aos 31 anos de idade e mais de 9 mil saltos, Kalay acumula diversas licenças profissionais no paraquedismo, é instrutor de Tadem, ASL, AFF, BBF, Freefly e Pilotagem de Velame, já trabalhou em várias áreas de salto no Brasil e exterior, além de se dedicar aos treinos de Swoop.

PATROCÍNIO

1º Lugar no World Games - 2013 - Colômbia

1º Lugar no World Games – 2013 – Colômbia

Mas como a maioria dos atletas brasileiros o maior adversário de Kalay é a falta de patrocínio. Os custos com equipamentos, treinamentos e viagens são altíssimos no paraquedismo, e segundo o próprio atleta a falta de divulgação do esporte acaba afastando os patrocinadores, “O paraquedismo tem pouca visibilidade na mídia, poucas pessoas conhecem a modalidade Pilotagem de Velames, e acho que aí está a dificuldade de conseguir patrocínio” afirma.

Entre as modalidades do paraquedismo, a de Pilotagem de Velames tem a vantagem de acontecer próximo ao solo, o público pode acompanhar as competições de perto. “Ainda acredito que esta realidade possa mudar e mais pessoas possam conhecer e apreciar a modalidade. Este ano teremos Campeonato Brasileiro em Boituva (7 de setembro) – uma ótima oportunidade quem tiver curiosidade de assistir uma competição, vale a pena!” disse Kalay.

EU APOIO

Copa do Mundo FAI de Pilotagem de Velames 2013. Kolomna, Rússia

Copa do Mundo FAI de Pilotagem de Velames 2013. Kolomna, Rússia

Em 2013 Kalay teve o apoio de algumas empresas, mas ainda assim precisou da ajuda de amigos, admiradores do esporte e paraquedistas de todo o Brasil para ir à Rússia. “Fizemos uma campanha ano passado para ajudar na minha viagem, muitas pessoas ajudaram comprando camisetas, deu certo e consegui o melhor resultado até hoje em um Mundial” informou.

“Felizmente tenho recebido o apoio de empresas parceiras – Skydive 4Fun, Naturae, Sun Path, Rawa, Skyleno, Flex Center, X.Trax – que me proporcionam treinamento e equipamento adequados. Mas os custos com viagens e Campeonatos ainda representam uma grande quantia” lembra Kalay.

E para conseguir cumprir a agenda de competições de 2014 ele está repetindo a campanha “Eu apoio”, através da página Kalay Swoop na internet. Lá é possível comprar camisetas, cotas da viagem ou fazer uma doação de qualquer valor para o atleta.

A meta este ano é participar do Campeonato Americano de Swoop e do Meet #5 da Liga da Flórida, os dois eventos vão acontecer na área de saltos ZephyrHills, em Maio, e são esperados os melhores atletas do mundo na modalidade. O principal evento do ano, o Campeonato Mundial da FAI, vai ser em Novembro, também na Flórida.

Se você é um paraquedista, apaixonado pelo esporte, pode ajudar o Brasil a chegar no lugar mais alto do pódio, seja também um patrocinador do atleta Kalay Marques.

Copa do Mundo de Swoop 2011 - Klatovy, República Tcheca

Copa do Mundo de Swoop 2011 – Klatovy, República Tcheca


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *